Governo de Juscelino Kubitschek

- Juscelino, ex-governador de Minas Gerais propagou durante a campanha eleitoral que faria o país crescer "50 anos em cinco". Com isso, passou a ser considerado o presidente da modernidade, inaugurando a "República Bossa-Nova";

- JK conseguiu encantar as elites, seduzir as camadas médias da sociedade e encher de esperanças os trabalhadores;

- A política econômica foi definida pelo Plano de Metas, o qual possuía metas a serem atingidas nos setores de energia, transporte, indústria, alimentos e educação;

- Podemos destacar como grandes mudanças:

  • A chegada de indústrias de bens de consumo (como as indústrias automobilísticas, de eletrodomésticos e de higiene e limpeza);
  • A construção de usinas hidrelétricas (como Furnas e Três Marias);
  • A construção de mais de 20 mil quilômetros de estradas;
  • A capital deixou de ser o Rio de Janeiro e virou Brasília.

- O "surto modernizante" foi financiado com capitais estrangeiros e do Estado;

- Ao mesmo tempo que ampliava a emissão de papel-moeda, o governo concedia muitos incentivos para as empresas, na forma de isenção de impostos, tarifas preferenciais e facilidades em trocas cambiais;

- a Era JF foi um período de realizações modernizantes, entretanto, deve ser vista também como marco de uma nova época, em que o Brasil passou a ter uma grande dependência do capital externo, além de ter se ampliado a exclusão social e regional. O país submeteu-se completamente aos interesses econômicos externos, principalmente dos Estados Unidos;

- A maioria esmagadora da população não foi integrada neste novo modelo socioeconômico que era baseado, principalmente, no consumismo;

- A explosão industrial foi concentrada no Sudeste, onde já haviam maiores ofertas de emprego, melhores condições de saúde, transportes e educação;

- Esses reflexos negativos foram evidentes nas eleições de 1960, quando o candidato da coligação PSD-PTB, general Lott, foi derrotado nas eleições por Jânio Quadros.

Obs: Dizem que a coligação PSD-PTB já imaginava que aconteceria um golpe militar, então fizeram uma campanha muito fraca pelo poder. Entretanto isso não deu certo, pois o golpe militar eclodiu nas mãos de João Goulart, em decorrência da renúncia de Jânio Quadros.