Vinda da Família Real

- A Europa, no início do século XIX passava por um momento turbulento, decorrente do período napoleônico;

- Em 1806, Napoleão Bonaparte decretou o bloqueio continental, visando transformar a França na maior potência européia. Portugal, por ser um grande parceiro comercial da Inglaterra, não acatou o bloqueio. Como prometido, as tropas napoleônicas iriam invadir Portugal, com isso, a família real do país decidiu fugir para a colônia nas Américas;

- Logo ao chegar,em 1808, a família real, em Salvador decretou a Abertura dos Portos brasileiros às nações amigas de Portugal. Esta medida, ajudou as elites exportadoras brasileiras, além de antender as pressões do governo britânico. Isto, representou o rompimento do pacto colonial( a colônia só pode comerciar com a metrópole);

- No mesmo ano, já no Rio de Janeiro, D. João VI liberou a instalação de fábricas no Brasil;

- Em 1810, foi criado o Tratado de Comércio e Navegação, que faziam com que os produtos ingleses possuíssem tarifas de apenas 15%, enquanto os portugueses 16%, e de outras nações 24%;

- Após o fim do período Napoleônico, visando ter direito ao voto no Congresso de Viena, a Coroa Portuguesa transformou o Brasil em Reino Unido a Portugal e Algarves. A partir de então, o Brasil passou a ser considerado a sede da Coroa Portuguesa;

- Em 1809, como retaliação das invasões francesas, D. João VI ordena a invasão à capital da Guiana Francesa, Caiena;

- Em 1816, as tropas brasileiras invadem a Cisplatina( território conhecido atualmente como Uruguai). Esta ação resultou na ampliação das fronteiras brasileiras até o rio da Prata;

- Enquanto isso acontecia, a população manifestava o descontentamento com a conjuntura interna.